A História DO CAFÉ PALHETA...

Em 1727, o governador do Pará, João da Maia Gama, enviou uma expedição à Guiana comandada pelo Sargento-mor, Francisco de Mello Palheta, a fim de obter alguns grãos de café, já que o governo francês proibia a saída de mudas ou sementes do cafeeiro da região.

A missão foi um sucesso!

Além de ganhar a confiança e a amizade dos governantes franceses, Francisco Palheta conseguiu algumas mudas de café.

Iniciou-se assim a plantação do café no Brasil, que mais tarde seria o maior produtor e exportador mundial de café.

Desde 1943, o Café Palheta é sinônimo de qualidade e sabor do verdadeiro café e, em 2011, o Palheta retornou à mesa do carioca, trazendo de volta o seu delicioso sabor, aroma e tradição para a cidade do Rio de Janeiro.

Agora, em uma embalagem mais jovem, moderna e ainda assim tradicional, o café Palheta voltou e para ficar...